Notícias

7 Agosto 2019

Talento de Gelson Dala chega ao futebol belga

Fora das contas do holandês Marcel Keizer, no Sporting Clube de Portugal, o avançado angolano Gelson Dala vai desfilar o seu talento no Royal Antwerp FC, da 1ª Liga de futebol da Bélgica, ao qual foi emprestado por uma época, com opção de compra.

Aos 23 anos, o futebolista, um dos principais activos dos Palancas Negras, chega à cidade de Antuérpia para trabalhar às ordens do romeno Laszlo Boloni, treinador que conquistou, na temporada 2001/02, à frente dos leões, os títulos do campeonato, taça e Supertaça. O desempenho ao serviço do Rio Ave em 2018/2019, com o registo de 26 jogos e 7 golos, abriu boas perspectivas para a integração de Gelson no plantel do Sporting. Chegou a integrar os trabalhos de pré-época dos leões mais tarde, por força da presença na Taça de África das Nações disputada no Egipto, mas acabou por ser novamente emprestado. No Antwerp, clube parceiro do Manchester United de Inglaterra, o goleador vai ter a concorrência no ataque do congolês democrata Dieumerci Mbokani e do português Ivo Rodrigues. Conta ainda com a companhia do angolano Aurélio Buta, lateral direito formado no Sport Lisboa e Benfica, bem como dos africanos Daniel Opare, defesa do Ghana, e Sambou Yatabaré, médio do Mali. Formado no 1º de Agosto, Gelson foi o Melhor Marcador do Girabola’2016, com 23 golos, no ano em que os militares do Rio Seco abriram a série de quatro títulos consecutivos, feito que pôs fim ao longo jejum de 10 anos. Distingue-se pela capacidade de jogar dentro e fora da área, sempre com orientação para a baliza. A criação de linhas de passe e o domínio do jogo entre linhas são outras das qualidades que tornam o futebolista um activo distinto, sem deixar de parte a capacidade técnica e a habilidade inata. Gelson é uma das esperanças dos angolanos nos jogos de 2 e 10 de Setembro, frente à Gâmbia, referentes às preliminares de apuramento para o Mundial de 2022, no Qatar, apesar de ter deixado o Egipto amuado, por força do ambiente pesado instalado nos Palancas Negras.

Bênção de Gilberto
Detentor de um dos currículos mais ricos de futebolistas angolanos no estrangeiro, pela carreira de sucesso no Al Ahly do Egipto, durante oito anos, de 2002 a 2010, razão pela qual é idolatrado nas terras dos faraós, Gilberto Amaral encorajou o ponta-de-lança. “O importante não é Portugal. Podemos fazer o inverso. Jogar num campeonato de África e, depois, quiçá, ir para o futebol europeu. Há muitas variantes que podemos muito bem aproveitar. Olhamos sempre para o futebol português como a ponte (risos). Temos o exemplo do Show, que foi agora para o Lille. Existe o “scounting” (observação). Isso ajuda, de alguma forma, a potenciar os próprios jogadores e os clubes angolanos. Penso que a ida do Show veio mostrar que é possível os angolanos enveredarem por outros campeonatos”, argumentou.

Fonte: Jornal de Angola

Classificação

Pos Clube Pts
1 1º de Agosto 1º de Agosto 27
2 Petro de Luanda Petro de Luanda 26
3 Académica do Lobito Académica do Lobito 24
4 Recreativo do Libolo Recreativo do Libolo 24
5 Desportivo da Huíla Desportivo da Huíla 19
6 Interclube de Luanda Interclube de Luanda 15
7 Sporting de Cabinda Sporting de Cabinda 14
8 FC Bravos do Maquis FC Bravos do Maquis 14
9 Kuando Kubango FC Kuando Kubango FC 13
10 Williet S.C Williet S.C 13
11 Recreativo da Caála Recreativo da Caála 11
12 Sagrada Esperança Sagrada Esperança 10
13 Ferrovia do Huambo Ferrovia do Huambo 9
14 Progresso de Sambizanga Progresso de Sambizanga 9
15 1º de Maio de Benguela 1º de Maio de Benguela 6
16 Santa Rita de Cássia FC Santa Rita de Cássia FC 6
Patrocinador Oficial ZAP
© 2019 Girabola ZAP. Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por

Bitmaker Software