Notícias

28 Dezembro 2018

Desportivo da Huíla assume liderança

A equipa do Desportivo da Huíla assumiu a liderança do Girabola, ao derrotar ontem o Progresso Sambizanga, por 1-0, no Estádio dos Coqueiros, em desafio de antecipação à nona jornada, totalizando 16 pontos.

Os minutos iniciais foram caracterizados pelo equilíbrio, com os dois conjuntos focados nas suas ideias de jogo. A jogar na condição de visitante, o técnico Mário Soares apresentou um Desportivo da Huíla versátil e a fazer o jogo pelo jogo, porque sentia que o Progresso Sambizanga estava perfeitamente ao seu alcance. Mário Soares montou uma estratégia que dificultou ao máximo o jogo ofensivo da equipa caseira. O Progresso experimentou sérias dificuldades, para sair a jogar com a bola controlada de trás para a frente.  Durante a primeira parte, a formação sambila beneficiou apenas de uma oportunidade para adiantar-se no marcador, por intermédio de Chilo, decorridos 25 minutos. O avançado do Progresso permitiu a defesa do guarda-redes N\'dulo.
Daí em diante, a equipa de Guilherme de Sousa \"Matateu\" pouco ou nada fez para estar em vantagem no placar. A actuarem com dois atacantes, Leonel e Razak, os \"militares\" da Região Sul obrigaram os \"sambilas\" a baixarem as suas linhas, para evitar que o Desportivo se adiantasse no marcador. 
Assistiu-se a uma primeira parte com as melhores ocasiões de golo a pertencerem aos comandados de Mário Soares. No regresso dos balneários, as equipas surgiram mais esclarecidas, de modo a alterarem a história de jogo. Os técnicos apostaram no tudo ou nada, porque  não estavam nada satisfeitos com o desenrolar dos acontecimentos.
Apoiados pelos seus adeptos, os sambilas procuravam a todo o custo o golo inaugural, através de jogadas ensaiadas, mas Yano e Chilo revelaram-se bastante perdulários. Aos 51 minutos,Yano não aproveitou da melhor forma uma oferta do guarda-redes N\'dulo, com a bola a embater no poste.
Apesar do ascendente do Progresso, o Desportivo não alterou as suas ideias de jogo, porque perseguia a segunda vitória fora de portas. Mário Soares tinha um trunfo na \"cartola\", para sair de Luanda com os três pontos na bagagem. O garoto Malamba saltou do banco para marcar o único golo do desafio, aos 93 minutos.
A vitória do Desportivo nunca esteve em causa, pois foi a equipa que mais deu nas vistas durante a contenda.

Saurimo FC perde pontos na secretaria

O Conselho de Disciplina da Federação Angolana de Futebol (FAF) aplicou falta de comparência ao Saurimo FC, pelo facto de não ter jogado quarta-feira na cidade do Huambo frente ao Recreativo da Caála, em desafio de acerto à sexta jornada do Girabola. 
Inicialmente agendado para o dia 12 do corrente, a formação da Lunda-Sul solicitou o adiamento do jogo, alegando dificuldades de transportação, o que obrigou o Conselho Técnico Desportivo da FAF a remarcar novamente o encontro.
O Saurimo FC não fez qualquer comunicação à FAF e ao Recreativo da Caála sobre a ausência de quarta-feira. Daí a razão da derrota averbada na secretaria.\"O jogo não realizado, sem qualquer comunicação da equipa visitante, dá direito a falta de comparência. O Saurimo não informou ao Recreativo da Caála, nem tão pouco à Federação e ao trio de arbitragem\", lamentou ao Jornal de Angola, Jeremias Simão, presidente do Conselho Técnico Desportivo da FAF.
Se a formação da Lunda-Sul  perder mais duas partidas por falta de comparência é desqualificada da competição e fica impedida de competir oficialmente durante duas épocas. O Saurimo FC está a enfrentar uma situação financeira caótica, o que motivou o treinador Kito Ribeiro e sete jogadores a deixarem a colectividade.

Fonte: Jornal de Angola

Classificação

Pos Clube Pts
Patrocinador Oficial ZAP
© 2019 Girabola ZAP. Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por

Bitmaker Software